A Hermès personifica o espírito do mundo onde o excepcional se exprime e onde cada objecto tem uma história diferente - É Intemporal e Única!

Em 1912 Jacqueline Hermès, a filha de Emile Hermès, é fotografada usando um relógio de bolso graciosamente colocado no pulso com uma pulseira em pele. Esta imagem ilustra que a excelência da marca para os relógios começou desde muito cedo.

Em 1920 a Hermès começou a dedicar-se aos relógios altura em que a arte da marca na produção de produtos em pele se ilustra na produção de pulseiras em pele fina para os relógios. Aqui o estilo da Casa francesa adapta-se perfeitamente ao espírito dos objectos dos “guardiões do tempo”.

Em 1928 lança o mítico relógio Ermeto e anos mais tarde, o famoso Belt-watch, o cinto com relógio dedicado aos jogadores de Golfe.

Durante muitos anos, a Hermès vendeu relógios criados e produzidos especialmente pelas mais prestigiadas manufacturas. Em 1978 estabeleceu-se como manufactura de relojoaria e fundou em Bienne, na Suíça, a sociedade La Montre Hermès S.A.

Instalada no coração da tradicional zona relojoeira da Suíça, a Hermès beneficia do espírito desta região. A criatividade parisiense no fabrico de produtos de luxo encontrava assim uma perfeita parceria com a tradição relojoeira Suíça.

O Heure-H, criado por Philippe Mouquet, o Cape Cod, modelo assinado por Henry D´Origny e o primeiro relógio da história a surgir com uma pulseira double-tour, baseada na ideia de Martin Margiela, ou o relógio Kelly inspirado na icónica carteira da princesa Grace Kelly, fazem parte da lenda relojoeira da Hermès e surpreendem pela criatividade, elegância e glamour.

Os relógios Hermès são peças mágicas e únicas, com as quais podemos desvendar de uma forma poética e imaginária os segredos do tempo.

O Tempo para a Hermès é a coisa mais preciosa que temos, por isso cada relógio tem uma história para contar e é feito para nos fazer sonhar.

O seu carrinho

Subtotal